RECEBA TODA SEMANA NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.

Como montar uma clínica de estética: tudo que você precisa saber!

Publicado em 01/03/2018

fale com um consultorPowered by Rock Convert

Veja tudo que precisa para abrir a sua clínica de estética e ter sucesso com ela. Não importa se você é experiente ou não no seu mercado, mas com essas dicas você poderá abrir o seu negócio e ter grande potencial de crescimento.

O sucesso na abertura de clínica de estética não acontece por acaso. Para que se possa conseguir ter resultados bons de verdade e ser uma referência no mercado, alguns cuidados precisam ser tomados. Para que você saiba como montar uma clínica de estética ou fazer os ajustes necessários na sua, separamos uma lista de perguntas sobre as quais você precisa tirar um tempinho para pensar. Você está preparada? Então, vamos lá!

como montar uma clínica de estética

Como montar uma clínica de estética: tudo que você precisa saber!

1. Você tem o perfil empreendedor?

Antes de começar montar a sua clínica de estética, é importante saber se o seu perfil de trabalho é realmente empreendedor.

Existem várias formas de se perceber o nível de empreendedorismo das pessoas, mas o mais fácil é tentar responder à seguinte pergunta: você prefere trabalhar recebendo um valor fixo por mês e respondendo às ordens de um empregador ou prefere montar o seu próprio negócio?

Uma pessoa empreendedora acredita que consegue ter mais chances de ganho quando se arrisca a fazer algo novo do que ficar limitada a um trabalho “mais seguro” que, no entanto, não oferece tanta autonomia e possibilidades de ganho extra.

Se você está na dúvida, não se preocupe. Leia mais sobre o assunto, veja se tem algum curso que pode ajudá-lo, assista a palestras e participe de comunidades que discutam o assunto. Tente se conhecer melhor e entender todo o potencial que existe a ser explorado em você.

2. Qual é o investimento necessário para se ter uma clínica de estética?

Essa é uma pergunta que merece muita atenção para abertura de clínica de estética e aumentar as chances reais de sucesso. A verdade é que é possível montar uma clínica de estética com investimentos variados. Tudo vai depender do tamanho de fatores como público, tecnologia e até ponto comercial.

Você vai ver que, na prática, existem alguns gastos que variam e outros não. Entre os que variam, podemos listar aqueles que estão relacionados com o volume de clientes e de funcionários que você pretende ter. Se quiser atender muitas pessoas ao mesmo tempo, precisará de uma área maior, mais atendentes, uma sala de espera com capacidade para mais pessoas, estacionamento e talvez até manobrista.

Quanto aos gastos que não serão influenciados pelo porte da sua empresa, devemos colocar na conta, por exemplo, um sistema de gestão de agenda e controle de vendas, um serviço de contabilidade, impostos e taxas com alvará de funcionamento e com registro de CNPJ. O melhor sistema para clínicas de estética no Brasil, é o Belle Software, clique aqui e faça um teste gratuito!

Depois de listar todos esses itens, além de compras de mobiliário, de equipamentos, gastos com cursos, instrumentos, profissional de limpeza, com uma possível reforma e mesmo com copinhos de café, é preciso lembrar que, no início, os clientes costumam ser mais escassos.

Isso significa que você precisa também de capital de giro. Ou seja, você precisa de um dinheiro para pagar as contas de luz, de água e os salários, até que o negócio ande com as próprias pernas.

Por que investir em um nicho de mercado?

Uma das estratégias com potencial de aumentar o seu sucesso é investir em um nicho de mercado. No entanto, muitos empreendedores ainda confundem nicho com segmentação de mercado. Mas calma, vamos esclarecer a diferença entre eles.

Você escolheu o mercado de saúde para atuar. Dentro dele existem várias segmentações, que são grupos de pessoas buscando as mesmas coisas. Como saúde e bem-estar, por exemplo, segmento amplo e bem explorado. Porém, dentro desse mesmo segmento pode existir um grupo pequeno de clientes em busca de cosméticos veganos. Como se trata de um mercado pouco explorado, há pessoas interessadas, mas com muita dificuldade em encontrar os produtos. Esse caso se encaixa em um nicho de mercado, quando há um grupo menor de pessoas com o mesmo interesse e necessidades, mas inexplorado.

Investir em um nicho de mercado pode ser um fator positivo para o seu negócio, principalmente se for uma empresa nova. Enquanto muitos preferem competir com grandes marcas já consolidadas e não pensam no desafio de oferecer algo diferente do que já existe, você pode ir no caminho oposto.

Foque em um público-alvo bem específico, por mais que no começo seja um pouco difícil conquistar clientes. Esse foco fará com que automaticamente você estude e se especialize nos interesses e necessidades do seu cliente. Em um curto ou médio prazo, a sua marca pode se destacar e se tornar uma referência no ramo.

Outra vantagem é passar despercebido pela concorrência, não precisar competir com preço e ainda ter um diferencial em ajudar melhor o seu público. Afinal, você saberá exatamente o que ele necessita e pode oferecer um produto ou serviço adequado ao que ele procura.

teste grátis

3. Como avaliar o ponto onde instalar a minha clínica?

Escolher bem o ponto comercial é algo que merece bastante estratégia. Você precisa avaliar quais os tipo de clientes pretende atender e onde eles estão. Questione-se: são pessoas mais novas, com uma idade mais avançada ou as duas coisas? Qual é a faixa de renda e os hábitos delas? O que elas estão procurando?

Se você estiver buscando clientes que têm um horário de trabalho mais apertado e pouca disponibilidade de locomoção, talvez tenha que optar por um local de fácil acesso na hora do almoço. Preferencialmente, ainda, um ponto que seja localizado em uma região mais comercial ou em um bairro mais residencial para atender no fim de semana.

Se seus clientes vão até você de carro, encontrar um local com facilidade de estacionamento é importante. Por outro lado, se a maioria for até você a pé, um ponto com porta para rua e maior exposição vai ser mais vantajoso.

Perceba que não existe um certo ou errado. O ideal é avaliar bem o seu público e optar por uma estratégia que seja compatível com a realidade do seu negócio.

4. Que produtos e serviços devem ser oferecidos?

Embora os serviços prestados pelas clínicas de estética sejam normalmente parecidos, é preciso que você pense bem sobre qual seu foco de atuação. Existem clínicas que são especialistas em determinados tipos de tratamentos e outras que buscam ter uma oferta mais ampla. Novamente, aqui é preciso pensar em qual o seu tipo de atuação.

Se perto do ponto em que você está pretendendo atuar houver concorrentes que já oferecem serviços básicos, talvez seja interessante oferecer diferenciais com técnicas e equipamentos específicos.

Por outro lado, se a concorrência for fraca, focar no básico pode ser uma boa ideia para começar a captar clientes e depois trazer novidades.

Ainda sobre esse aspecto, antes de fazer um “cardápio” com limpeza de pele, massagens, hidratação, bronzeamento, depilação, manicure, pedicure, banhos e outros, lembre-se de avaliar as opções e identificar quais tratamentos trazem clientes. Procure saber quais deles são mais lucrativos e quais necessitam de mais investimento, seja em equipamentos, seja em cursos ou instalações.

job estéticaPowered by Rock Convert

Por último, pense também em quais desses serviços vão ajudar você a vender produtos dentro da sua clínica. Itens de beleza podem ser uma boa fonte de renda para o negócio.

5. Que profissionais devem ser contratados?

Não tem como montar uma clínica de estética sem funcionários. Então, quais você deve contratar? Tudo depende do volume de público que você tem, das especialidades que pretende oferecer e da formação dos profissionais.

Na equipe com a qual você vai lidar diretamente, será preciso alguém para fazer atendimentos telefônicos e agendamentos, alguém para realizar a limpeza do ambiente e esteticistas com focos variados. Se você tiver uma sócia, por exemplo, é possível que, no início, vocês revezem as tarefas (cuidar dos agendamentos, por exemplo) até que consigam separar as rotinas e os horários de cada uma.

De toda forma, o importante é que você tenha em mente que cada atividade demanda atenção e algum responsável. Considere também profissionais que devem ser necessários pontualmente, tais como encanadores, decoradores, advogados, pintores, eletricistas e contadores.

Depois de montar a sua clínica de estética, pode ser necessário contratar ainda seguranças, copeiras e manobristas. Tudo vai depender do seu porte e foco de trabalho.

teste grátis

6. O que não se deve fazer?

Tão importante quanto saber as estratégias ideias para montar uma clínica de estética diferenciada é ter conhecimento do que não se deve fazer em hipótese nenhuma. Afinal, pequenos erros ou falhas podem gerar um quadro complicado. Lembre-se de que o sucesso está nos detalhes.

Confira a seguir quais ações não são indicadas!

Esquecer de investir nos colaboradores

De nada adianta ter uma infraestrutura de destaque, mas pecar na qualificação profissional. O capital humano é um dos bens mais preciosos da organização. Inclusive os colaboradores estão ligados ao fracasso ou sucesso da empresa.

Por isso, é importante não só criar um processo seletivo apropriado como também apostar periodicamente em cursos de capacitação. Tenha em mente que os colaboradores lidam diretamente com o público. Nada mais sábio, do que investir em cursos, palestras e outros eventos que vão tornar a sua equipe mais competente.

Nesse sentido, é essencial também realizar treinamentos. Certifique-se de que todos os colaboradores estejam alinhados à proposta organizacional e estejam aptos a desenvolver um trabalho de qualidade.

Ignorar as tendências tecnológicas

A cada dia surgem novidades tecnológicas, sobretudo no mercado da beleza. O intuito? Oferecer mais conforto, rapidez e praticidade para os clientes e para a empresa como um todo.

Vale frisar que os aparatos tecnológicos são capazes de modernizar a gestão, facilitando os processos e otimizando o tempo. Não à toa, as empresas líderes de mercado investem fortemente nesses mecanismos.

Os softwares têm tudo para serem seus grandes aliados ao conquistar um cliente e manter o bom relacionamento no pós-atendimento. Como lembrar de enviar mensagens de parabéns ou mostrar que se importa quando o cliente fica algum tempo sem voltar na sua clínica e inclusive quando você fizer uma promoção e quer avisar uma lista de clientes especiais. Além da facilidade para administrar agenda, pagamentos e outras funcionalidades como alguns sistemas podem gerar relatórios simples, mas relevantes para você conhecer mais do seu negócio.

As organizações que consideram a inovação uma inimiga perdem espaço no mercado e tornam-se obsoletas. Por isso, comece a pensar na possibilidade de modernizar o seu negócio. Essa ação vai gerar pontos extras com os clientes.

Não ter domínio sobre os serviços prestados

Imagine só o cenário: você, enquanto cliente, pergunta a um prestador de serviço qual o resultado esperado de um procedimento estético e ele não sabe responder ao certo. As informações são imprecisas e, até mesmo, duvidosas. Você, além de se sentir insegura, jamais voltaria àquele local, não é mesmo? Isso sem falar que você vai dar péssimas referências sobre a empresa

O mesmo raciocínio vale para os seus clientes. Não seja o tipo de esteticista que não domina as particularidades do serviço oferecido. Isso é um tiro no pé para o seu estabelecimento, uma vez que você vai perder inúmeros clientes.

Profissionais gabaritados têm pleno conhecimento sobre o serviço realizado e sabem explicar com riqueza de detalhes as especificidades de cada tratamento.

Deixar de lado a gestão

Tenha em mente que uma gestão ineficiente é prejudicial para todo o negócio. Ela deixa as contas no vermelho, assim como resulta no gasto desnecessário de recursos que poderiam ser investidos na melhoria do estabelecimento ou até mesmo na qualificação profissional.

Já uma gestão eficaz garante a saúde financeira da empresa. Por isso, não pense duas vezes para apostar em ferramentas que ajudem administrar o fluxo de caixa. Ter controle total da entrada e saída de verbas é o primeiro passo para conquistar resultados positivos e manter a conta no azul. Acredite: a administração correta do empreendimento é essencial para conseguir manter a clínica de estética de portas abertas.

Ao se planejar para montar uma empresa de estética, o importante é fazer a lista de demandas iniciais bem completa para que ela fique o mais realista possível. Assim, você pode calcular as contas de maneira a ter segurança para dar os próximos passos.

Deixar de investir na divulgação

Um dos pecados que você não deve cometer com o seu negócio, seja você novo ou experiente no mercado, é deixar de investir no marketing. É isso mesmo, a publicidade faz parte do sucesso da sua empresa. Não adianta você ter todo o seu diferencial com um público bem definido, ótimo preço, produto e localização, mas as pessoas não sabem o que você faz, por que ou como.

Esse investimento pode ajudar você a se tornar a referência que comentamos no tópico de nichos de mercado. Use a seu favor para contar as pessoas o por que você é bom no serviço ou produto oferecido. Aproveite para construir uma relação com o seu cliente, como se a sua marca fosse uma pessoa e ela é a melhor amiga do seu público naquilo que ele procura.

Atualmente, não precisa investir tanto dinheiro como anos atrás para ter um bom marketing e alcance. Algumas empresas conseguem se sair muito bem com equipes ou agências enxutas, mas que sabem fazer o bom trabalho. Invista em site responsivo e que contenha as informações mais importantes da sua empresa. É fundamental ter o seu próprio domínio e dados para contato com praticidade.

Se puder ter e alimentar um blog no site ou perfil nas redes sociais com conteúdo relevante, com certeza vai alavancar as suas vendas. Pense em conteúdos que gerem atração do público, direcione ele para consideração da sua marca, mas não se esqueça de produzir para quem já está decidido a comprar. Também não deixe de interagir com o seu público de forma amigável e crie uma ficha do seu negócio no Google com as informações corretas e completas.

Agora que você já tem uma boa ideia sobre como fazer a abertura de clínica de estética, que tal assinar a nossa newsletter? Assim, você receberá no seu e-mail informações para alavancar o seu negócio e conseguir se destacar no mercado.

One thought on “Como montar uma clínica de estética: tudo que você precisa saber!”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quero Participar
ajuda?
Olá! Participe do nosso grupo no Whatsapp, receba dicas sobre estética e converse com outros profissionais da área.
Clique no botão abaixo para participar. ⬇️