RECEBA TODA SEMANA NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.

Super Dicas de Gestão Financeira para Clínicas de Estética, Dica 6: Análise Gerencial de Resultados!

Publicado em 05/21/2014

fale com um consultorPowered by Rock Convert

Prezado leitor, este é o sexto post de uma série de nove posts com dicas de gestão financeira para clínicas de estética. Desta vez iremos falar um pouco sobre análise de resultados. Esperamos que este post seja útil para você e seus negócios.

A análise dos resultados, visa levantar os indicadores que darão a exata informação referente aos resultados operacionais que sua clínica obteve num dado período. Muitas informações são pertinentes quando se faz esta análise, que tem como principal objetivo, saber se a empresa teve lucro ou prejuízo, embora não seja esta a única informação disponível nesta análise.

Para entender melhor, vejamos um exemplo de relatório onde se pode observar estas informações:

Gerencial de Resultados

Observe que no relatório indicador de resultados operacionais é possível identificar várias informações de grande relevância para o negócio.

De cima para baixo podemos observar primeiramente o valor total do faturamento, que é nada menos do que quanto sua clínica vendeu, seja em produtos ou seja em serviços no período da análise. É importante ficar bem claro que o valor faturado não tem nada a ver com o valor recebido. Para obter o faturamento, leva-se em conta o mês de competência da operação que deu origem ao movimento, enquanto que para saber o valor recebido, se leva em conta a data da confirmação do recebimento no período da consulta.

job estéticaPowered by Rock Convert

Para ficar claro, pode-se citar como exemplo a venda de um produto que custa R$: 300,00 por exemplo. Vamos supor que esta venda ocorreu no mês de Maio, e a forma de pagamento será feita em três vezes sem entrada. Neste caso, é correto afirmar que no que se refere a esta venda, a clínica faturou R$ 300,00 em Maio, mas não recebeu nada deste valor, pois o primeiro pagamento só ocorrerá em trinta dias.

É por isso que muitas vezes apesar de faturar bem a empresa não conseguir fazer caixa. Nestes casos é interessante pensar em fazer mais vendas a vista e pagamentos a prazo.

Outra informação relevante pode ser vista logo a baixo, e se refere a como serão recebidos os recursos vindos do faturamento da clínica, ou seja, quanto das vendas foram feitas em cartões, cheque, boleto ou dinheiro.

A partir deste ponto, pode-se analisar as despesas de forma analítica ou sintética, pois, o nível de detalhe das informações permite-nos a isto. A análise das despesas neste formato pode ajudar a verificar, por exemplo, onde estão os maiores gastos, onde podem ser reduzidas as despesas e qual é o percentual que cada despesa representa do montante total.

Assim, ao final deste relatório chega-se a um dos mais importantes indicadores na gestão financeira. O resultado operacional líquido. É este indicador que informa se sua clínica teve lucro ou prejuízo.

Todos os dados neste relatório levam em conta a competência das operações. Se você tem dúvidas quanto ao que significa competência, pode ler um pouco a respeito nos artigos anteriores sobre, contas a receber e contas a pagar.

No próximo artigo falaremos sobre análise do patrimônio, onde você verá como saber se sua empresa está crescendo a partir deste importante indicador.

2 thoughts on “Super Dicas de Gestão Financeira para Clínicas de Estética, Dica 6: Análise Gerencial de Resultados!”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat