RECEBA TODA SEMANA NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Dicas de economia para clínicas de estética

Publicado em 03/18/2015

0 Flares Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Twitter 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×

   Dicas de economia para clínicas de estética: Comece hoje mesmo a economizar!

   Toda economia é bem-vinda, principalmente nas empresas, que precisam planejar seus custos com água, energia, telefone, materiais, etc. Portanto, se essas despesas diminuem em função de uma mudança de hábitos no sentido de evitar desperdícios e economizar recursos naturais e financeiros, todo mundo ganha. Isso sem falar na sustentabilidade, que atualmente deve estar no presente no pensamento dos gestores. Neste post 15 dias de economia para clínicas de estética veremos como podemos fazer eficientes sem perder qualidade.

15-economia-clinicas-esteticas

   Em uma clínica de estética é possível fazer com que funcionários e clientes participem de uma mudança de atitudes capaz de economizar, diminuir o desperdício e reduzir os custos, sem que a qualidade dos serviços e do atendimento seja comprometida. Você pode otimizar os processos da clínica com um sistema para clínicas de estética.

   Confira a seguir 15 dicas para reduzir gastos e desperdícios na clínica de estética.

  1. Negocie com fornecedores a compra de volumes maiores, com entregas na medida do seu consumo e pagamentos  parcelados, se necessário faça o fracionamento de produtos no seu estoque. Seu software de Gestão de clínicas de estética pode auxiliar nesse processo.
  2. Reciclar a água, utilizando-a para outras atividades que não necessitam de água potável. A água da lavagem dos cabelos, por exemplo, pode ser reutilizada na limpeza, gerando uma economia bem expressiva na conta mensal.
  3. Instalar unidades de geração de energia solar para aquecer a água. Os painéis solares são uma boa opção, que se pagam em pouco tempo de uso.
  4. Prefira adquirir equipamentos de alta eficiência energética e baixo consumo.
  5. Não deixe os equipamentos ligados ou conectados na tomada elétrica enquanto não estiverem em uso. Quando ficam em standy-by, consomem e desperdiçam energia.
  6. Inove instalando telhados verdes, que reduzem a necessidade de ar-condicionado, economizando energia.
  7. Comece a captar água da chuva, que pode ser usada para limpeza e descarga de sanitários. Também verifique sempre os encanamentos para evitar vazamentos e maior consumo de água.
  8. Verifique regularmente as instalações elétricas. Falta de manutenção e fiação danificada podem provocar curto-circuito e perdas de energia por aquecimento.
  9. Utilize lâmpadas frias e luminárias de maior eficiência energética. Troque as lâmpadas incandescentes por fluorescentes. É possível encontrar nas lojas do ramo lâmpadas bonitas, modernas e econômicas.
  10. Instale um sistema inteligente de iluminação de ambientes. Sensores de presença reduzem o consumo de energia onde o fluxo de pessoas é menos intenso.
  11. Procure utilizar ao máximo a ventilação natural dos ambientes. Sistemas de ar-condicionado centralizado podem reduzir o consumo de energia. Pense nesta possibilidade e consulte um técnico ou empresa especializada.
  12. Feche bem as torneiras de lavatórios e pias depois de usá-los. Procure instalar torneiras com fechamento automático, ou com fluxo econômico de água.
  13. Utilize e distribua para clientes um copo para beber água durante a permanência no local, para evitar a lavagem de vários recipientes. Funcionários podem usar o mesmo copo durante todo o dia de trabalho.
  14. Adote a utilização de toalha descartável para cabelos, mão, pés e procedimentos estéticos. São mais higiênicas e evitam a lavagem, economizando água. Porém, o desperdício deve ser evitado.
  15. Faça um controle do telefone, anotando as ligações, e converse com os funcionários sobre a utilização do telefone, que só deve ser usado quando realmente necessário, evitando bate-papo ou ligações particulares. A diminuição na conta poderá ser bem significativa. Também poderá otimizar com sua operadora de telefonia, rotas de ligações na central telefônica e ainda com o disparo de SMS via programa para clínicas de estética, pois evitará que a secretária ligue, reduzindo o custo e ainda podendo confirmar a consulta através da resposta do cliente.

   As boas práticas cotidianas baseadas na economia financeira, na sustentabilidade e na proteção ambiental fazem com que sua clínica esteja inserida no mundo moderno das empresas sustentáveis. A participação de todos é positiva e provoca mudanças também na vida pessoal, já que, com o tempo, funcionários e clientes levam para casa os hábitos adquiridos no local de trabalho ou no estabelecimento que frequentam.

   Se você deseja melhorar ainda mais a gestão da sua clínica, conte com o Belle Software para clínicas de estética e SPA. Com ele você consegue manter um controle maior sobre a sua agenda, fazer a gestão das contas a pagar e a receber, criar mailings de clientes e gerenciar as comissões para seus funcionários. Veja mais em nosso site.

   Conhece outras dicas de economia para clínicas de estética? Compartilhe nos comentários.

Dicas de economia para clínicas de estética
5 (100%) 1 vote

One thought on “Dicas de economia para clínicas de estética”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×
Olá! Participe do nosso grupo no Whatsapp, receba dicas sobre estética e converse com outros profissionais da área.
Clique no botão abaixo para participar. ⬇️