RECEBA TODA SEMANA NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Ao informar meus dados, eu concordo com a Política de Privacidade.

Como cobrar clientes de estética de forma ética?

Publicado em 26/12/2015

Quando se é dono do próprio negócio, uma das situações mais incômodas é a inadimplência dos clientes. Afinal, quem presta um serviço como você — ainda mais com qualidade — quer receber por ele. Mas, como cobrar clientes  de estética da forma correta para não ficar no prejuízo e nem perder sua confiança e fidelidade?

Como cobrar clientes de estética

Pensando nisso, listamos algumas dicas para a sua clínica de estética lidar com a inadimplência de forma ética, garantido o recebimento dos pagamentos e mantendo os clientes. Acompanhe agora e veja exatamente como agir em casos assim!

Mantenha a postura na hora de cobrar os clientes

Um dos primeiros pontos que você precisa dar atenção antes de cobrar um cliente inadimplente é a forma como você e sua equipe farão isso. A situação, por si só, já é constrangedora para ambas as partes, mas como fornecedor do serviço você terá de ficar muito atento à sua postura — e de seus funcionários — a fim de evitar ainda mais transtornos nesse momento tão difícil.

A postura e abordagem serão alguns dos fatores determinantes para o sucesso da cobrança e da volta desse cliente ao seu estabelecimento. Por isso, atente aos seguintes pontos:

  • não ameace;
  • evite constrangimentos;
  • evite cobranças em público.

Por mais que o cliente não esteja agindo corretamente ao não efetuar algum pagamento, se ele se sentir constrangido pode não só deixar de procurar seus serviços, como ainda transmitir uma imagem negativa da sua empresa para outras pessoas. Mantenha a calma, dê atenção ao seu comportamento, treine constantemente sua equipe para lidar com situações assim e tudo será resolvido da melhor forma possível para todos.

Ofereça várias formas de pagamento

Um estabelecimento que aceita somente uma forma de pagamento, como só pagamento em dinheiro, por exemplo, além de restringir a possibilidade de conquistar novos clientes, também pode contribuir para a inadimplência. Por isso, quanto mais opções de pagamento a sua clínica oferecer, melhor para você e para o cliente. Boletos bancários e cartões de crédito de várias bandeiras são duas formas de pagamento potencialmente seguras.

O boleto é uma excelente alternativa, porque discrimina informações sobre juros e multa ao lado do valor cobrado, além de ser uma opção para pessoas que, por algum motivo, não utilizam cartões de crédito. Com as informações constantes no boleto, o cliente da sua clínica fica mais atento ao prazo de vencimento e sabe que o valor será maior caso não cumpra seu compromisso dentro do prazo.

Para a opção de pagamento por meio de cartão de crédito, como é o banco que está pagando o seu estabelecimento, você não corre o risco de não receber os valores. E caso o cliente deixe de pagar, a negociação será entre ele e o banco, geralmente com juros bem altos.

Mantenha um departamento de pós-venda

O pós-venda é uma forma sutil de cobrar seus clientes. Com uma equipe bem treinada, seus funcionários entrarão em contato como os clientes para saber o que acharam do atendimento e do resultado dos tratamentos, por exemplo. Durante esse contato sua equipe pode, discretamente, lembrá-lo da necessidade de efetuar o pagamento dos serviços prestados por vocês.

Uma vantagem desse canal de atendimento é que, se ele tiver algum problema para cumprir com seu compromisso financeiro, torna-se o momento ideal para dar ao cliente diversas opções de como efetuar o pagamento e, assim, mostrar que estão dispostos a negociar.

Envie lembretes

Usar a tecnologia como aliada ajuda muito a evitar a inadimplência. Hoje em dia existe uma variedade de softwares que ajudam a organizar as finanças das empresas e enviam alertas de pagamentos que estão para vencer. Com essas ferramentas você também mantém o monitoramento adequado dos prazos, vencimentos, lucros e despesas.

Assim, até mesmo antes que ocorra o vencimento, é possível enviar aos clientes mensagens de texto, e-mails e até malas-diretas informando a necessidade do pagamento dos serviços prestados. Com essa abordagem o cliente tem a opção de efetuar o pagamento antes do vencimento e também escapar de possíveis juros.

Mas, lembre-se sempre que o texto enviado deve ser amistoso e agradável, independentemente de qual meio de comunicação usará para isso. Caso ele permaneça inadimplente mesmo após os lembretes, sua empresa pode enviar novas mensagens, mas agora peça para que o cliente entre em contato com vocês caso esteja com dificuldades em concluir o pagamento.

Mostre-se aberto para ouvir seus motivos e faça-o se sentir mais confortável em negociar o débito com a sua empresa. Aproveite as novas mensagens para expor algumas formas de acordos, assim ele verá que sua clínica está aberta a negociações.

Ofereça vantagens e novos benefícios

Por mais que o cliente não esteja agindo corretamente ao não efetuar o pagamento, como já citamos, se ele se sentir constrangido, pode nunca mais voltar a procurar por seus serviços. Por isso, durante a cobrança é importante também que ele se sinta especial para sua clínica. Algumas opções podem ser consideradas:

  • oferecer vantagens, como descontos se efetuar o pagamento da dívida em uma única parcela;
  • dias a mais para pagamento, sem a cobrança de juros;
  • bônus na aquisição de novos pacotes após a efetivação do pagamento do que está pendente.

Estes são apenas alguns exemplos de estratégias para não só conseguir o valor devido, mas também atraí-lo a continuar sendo seu cliente.

Não se sinta mal por cobrar os clientes

Por mais que seja um trabalho difícil, você não está errado ao cobrar clientes que não cumpriram com os pagamentos. Como empresa, você prestou um serviço de qualidade, deu toda atenção a ele e merece o recebimento do seu pagamento, já que um dos objetivos quando abriu sua clínica foi seu sucesso financeiro, além, claro, da realização pessoal.

Assim, em casos que seja necessária a cobrança do cliente por não pagamento, você e sua equipe devem estar cientes que, do mesmo jeito que o cliente tem os direitos dele, vocês também têm vários garantidos. Desde que se tenha uma postura adequada para saber como cobrar clientes, oferecer a ele diversas opções de pagamento, mostrar que sua empresa está disposta a negociar e que é uma aliada dele, com certeza você e sua equipe terão sucesso nas cobranças.

Esperamos que estas orientações tenham lhe ajudado a cobrar clientes de forma mais ética. E se quiser receber mais dicas assim, assine nossa newsletter e receba todas as novidades em primeira mão!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Entrar no Grupo
Entre no nosso grupo de WhatsApp, converse com outras esteticistas e troque dicas e informações sobre o mercado de estética. ⤵️