RECEBA TODA SEMANA NOTÍCIAS EM SEU EMAIL

Como abrir uma clínica de estética: os 10 passos mais importantes!

Publicado em 12/16/2014

0 Flares Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Twitter 0 Email -- Filament.io 0 Flares ×
fale com um consultorPowered by Rock Convert

Nas culturas ocidentais, e particularmente no Brasil, as pessoas costumam colocar procedimentos de beleza no patamar dos quesitos essenciais de sobrevivência, em especial para se posicionarem no mercado de trabalho. “Como vou trabalhar sem ter feito as unhas e sem me maquiar?”, “Com a pele nesse estado, cheia de cravos e espinhas, quem irá me contratar?”. Para se ter uma ideia, os gastos dos brasileiros com higiene e beleza, estimados pelo Instituto Data Popular, devem chegar a R$ 59,9 bilhões, colocando nosso país como o segundo mercado mundial do setor. Dessa forma, os estudiosos do mercado pesquisados por nós não hesitam em apoiar novos empreendimentos na área, uma vez que não há sinal de inversão nessa curva em alta. Então agora descubra como abrir uma clínica de estética e ir em direção ao sucesso.

como abrir uma clínica de estética

Apesar desse cenário otimista, levantamos para você uma série de questões sobre as quais será bom refletir antes de partir para o negócio. Pela experiência, você sabe que elaborar um plano de negócios pode consumir até dois terços do tempo necessário para o lançamento efetivo do empreendimento. Colocaremos a seguir 10 questões importantes para você refletir antes de lançar-se ao sonhado negócio próprio. As três primeiras são de ordem legal e constam do guia técnico do Sebrae, de 2010, intitulado ‘Comece Certo – Clínica Estética’. As demais referem-se ao negócio propriamente dito.

Como abrir uma clínica de estética: os 10 passos mais importantes!

1) Você sabe que uma clínica estética, para oferecer serviços estéticos não invasivos, como limpeza de pele, drenagem linfática, bronzeamento artificial a jato, depilação, estimulação russa, estética corporal e podologia, só poderá funcionar com esteticistas, fisioterapeutas e podólogos certificados pelo MEC?

2) E que se, além dos serviços mencionados, forem oferecidos serviços invasivos como mesoterapia, dermoabrasão, depilação a laser, peeling, aplicação de botox e preenchimento de rugas com ácidos, a clínica terá que contratar médicos e biomédicos responsáveis?

3) Sabia que a clínica estética deve seguir as ‘normas de boas práticas’ da Anvisa, para garantir segurança e qualidade nos serviços prestados e, assim, evitar riscos à saúde pública?

4) Que tamanho de clínica estética eu quero ter? Isso implicará no estabelecimento do montante inicial de recursos, se haverá ou não necessidade de buscar sócios investidores. Todo negócio tem o seu break-even, ou seja, o ponto em que o capital investido pode começar a retornar, logicamente se a operação for bem-sucedida. Se você entrar na sociedade com o trabalho, além de parte do capital, será preciso sacramentar uma remuneração gerencial com o sócio desde o início.

job estéticaPowered by Rock Convert

5) Qual o tipo de público que minha clínica vai atender? De nada adiantará implantar espaços para relaxamento, por exemplo, se a clientela vier de uma região repleta de escritórios. Com as clientes correndo na hora do almoço, ou antes do expediente, a demanda pelo serviço será mínima.

6) Quais são os meus concorrentes próximos e que tipo de serviços oferecem? Em que item vou me diferenciar?

7) Como captarei clientes novos se, em geral, há uma fidelização a esse tipo de serviço, já que as pessoas temem experimentar profissionais novos?

8) Estou atualizada em relação aos novos softwares de gestão, específicos para clínicas de estética, que agilizam o dia a dia do negócio e, ao mesmo tempo, permitem a comunicação online com os clientes?

9) E, com relação à vida pessoal, o uso de tais ferramentas me garantirá tempo para cumprir as obrigações familiares ou meu marido e meus filhos ficarão meses seguidos sem poder contar comigo?

E, finalmente:

10) Tenho disposição para assumir um negócio e me dedicar a ele sem garantia de férias e de finais de semana livres? 

   Se após esse post você entendeu como abrir uma clínica de estética e como esse ramo está crescendo, você tem tudo para atingir o sucesso! Confira também nossos posts: como montar uma sala de estética bem decorada e o post 110 ideias de nomes para Clínica de Estética.

One thought on “Como abrir uma clínica de estética: os 10 passos mais importantes!”

Comments are closed.

Quero Participar
Olá! Participe do nosso grupo no Whatsapp, receba dicas sobre estética e converse com outros profissionais da área.
Clique no botão abaixo para participar. ⬇️
Powered by